Matrícula para novos estudantes da rede estadual na Bahia começa no dia 24 de Janeiro



A matrícula da rede estadual para novos estudantes ou que já estão no sistema e irão mudar de escolas, na Bahia, começa a partir do dia 24 de janeiro. A informação foi divulgada pela Secretaria de Educação da Bahia. O processo de renovação de matrícula dos alunos que permaneceram nas instituições que já frequentavam foram encerradas no dia 30 de dezembro.

O calendário de matrícula começa com a transferência de estudantes que precisam mudar da escola, por problemas como falta de vagas ou mudança de endereço. Entre os dias 25 e 27, ocorre a matrícula para os alunos que já são da rede pública e ingressam na rede estadual. 

No dia 27, é a vez dos estudantes do ensino fundamental que entram para a rede pública estadual. Já entre os dias 30 e 31 de janeiro, será feita a matrícula dos alunos que eram da rede particular, mas farão o ensino médio em escolas da rede estadual.

A Secretaria da Educação disponibiliza o Sistema de Matrícula Online, por meio do qual os alunos, pais e/ou responsáveis, podem realizar a matrícula pela internet em Salvador e mais 26 municípios do interior. As cidades participantes são Barreiras, Barro Preto, Barrocas, Brejões, Camaçari, Catu, Dias D’Ávila, Encruzilhada, Eunápolis, Feira de Santana, Glória, Gongogi, Ipirá, Itaberaba, Itapetinga, Lamarão, Luís Eduardo Magalhães, Macajuba, Madre de Deus, Mundo Novo, Paulo Afonso, Porto Seguro, São José da Vitória, Serrinha, Simões Filho e Vitória da Conquista.

Em Salvador e Camaçari, se o aluno não tiver acesso a internet, poderá realizar a matrícula pela WEB utilizando o computador da própria escola onde está matriculado.

Documentação

Para efetuar a matrícula é necessário apresentar documentos como original do Histórico Escolar ou Atestado de Escolaridade, firmado pela direção da unidade escolar, originais e cópias da Certidão de Registro Civil ou carteira de identidade (RG), do CPF (obrigatório para Educação Profissional) e do comprovante de residência. Também é preciso apresentar o Código do SETPS (constante no Salvador Card) para as escolas do município de Salvador.

Deixe Seu Comentário