Detran faz mutirão no Polo de Irecê para atender pessoas com deficiência

Detran faz mutirão no Polo de Irecê para atender pessoas com deficiência

A Junta Médica Especial do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) realiza, nos próximos dias 25 e 26, no Polo de Irecê, centro norte baiano, o mutirão de perícia para pessoas com deficiência física. Moradores dos municípios de Bom Jesus da Lapa, Seabra, Barreiras, Santa Maria da Vitória e Luís Eduardo Magalhães também serão atendidos. No dia da avaliação, o interessado que fez o agendamento prévio deve levar o documento de identidade e os relatórios médicos atualizados, com informações detalhadas da patologia.

De acordo com o diretor-geral do Detran, Lúcio Gomes, a iniciativa tem o objetivo de zerar a demanda reprimida no atendimento, em cidades do interior e na capital. “Já fizemos quatro mutirões em Salvador, com mais de 500 atendimentos, para compensar a redução no quadro médico, onde mais de 50% dos profissionais se aposentaram, provocando aumento no tempo de espera para a perícia. Agora, vamos ao interior, nesse esforço redobrado para garantir o serviço a todos, enquanto discutimos um novo modelo para o credenciamento de clínicas particulares”, explicou.

Quem pretende tirar ou renovar a carteira de habilitação para conduzir veículo adaptado deve comprar o Registro Nacional de Habilitação (Renach), passar por uma clínica credenciada ao Detran e se dirigir ao órgão para a perícia na Junta Médica Especial. Foi o caso da promotora de eventos Alessandra de Santana, 44 anos, que mora em Salvador e já passou pela avaliação para renovar a carteira. Após uma queda, ela está sem dirigir há quase três anos. “Passei por cirurgia na coluna e quase perdi os movimentos das pernas. Fiquei com algumas sequelas, mas estou confiante em mudar de vida, a partir do carro adaptado”. Os portadores de deficiência (visual, física ou mental) têm direito à isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), na compra de automóveis. O benefício deve ser solicitado à Receita Federal, mediante a apresentação de dois laudos fornecidos por médicos credenciados ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: Ascom/Detran

Deixe Seu Comentário